A precaução padrão também conhecida como precaução universal, são medidas de proteção que devem ser adotadas pelos profissionais de saúde que terão contato direto com o paciente.

São elas:

Lavar as mãos, antes e após o contato com qualquer cliente/paciente ou material utilizado.
Uso de luvas de procedimento, quando entrar em contato com qualquer fluído ou exsudato (secreção).
Máscara e óculos de proteção devem ser utilizados durante os procedimentos em que possam ocorrer respingos de gotas de sangue ou de fluídos orgânicos, prevenindo a exposição de mucosas na boca, nariz e olhos.
Aventais ou capotes devem ser utilizados nos procedimentos que sabidamente respingam sangue ou fluídos orgânicos, contaminando a roupa.

Os profissionais da área da saúde devem tomar medidas preventivas para evitar acidentes, ao manusear e desprezar pérfuro-cortantes como agulhas, instrumentos ou qualquer outro material cortante.


Fonte: Enfermagem Continuada