A anúria é um estado clinico caraterizado pela completa ausência de drenagem da urina. Muitas vezes esta ausência não é completa, mas é tão pouca que é chamada pelo mesmo nome.Uma anúria verdadeira existe quando a drenagem de urina é inferior a 100 mililitros por dia. Esta pode levar a graves problemas de saúde que devem ser tratados imediatamente uma vez que se não for atentamente corrigida pode levar a uma intoxicação do organismo.Num grande número de casos clínicos, a paragem da função renal deve-se à obstrução dos ureteres, sendo esta classificada como um caso de anúria falsa ou anúria excretora.

Como causas desta situação também está o choque hipovolémico, desidratação ou uma diminuição da irrigação sanguínea e algumas causas renais como a glomerulonefrite aguda, a necrose tubular entre outras.

Tipos de Anúria

A classificação do tipo de anúria está intimamente relacionada com as causas da mesma.
Assim podemos ter:Uma anúria obstrutiva devido a um bloqueio de qualquer parte do sistema urinário.
Uma anúria postrenal que tem a ver com um bloqueio dos ureteres ou da uretra.

Causas da Anúria

As causas da anúria mais conhecidas são: As infeções do sistema urinário – a pessoa sente vontade de urinar com frequência e urgência, mas em cada micção existe pouca quantidade de urina eliminada. Esta situação pode ser corrigida com uma hidratação reforçada e administração de antibióticos.
Problemas da próstata – no caso dos homens a dificuldade de urinar pode estar relacionada com problemas da próstata como é o caso dos tumores benignos e malignos.
Fibrose retroperitonial – neste caso o fluxo da urina para a bexiga encontra-se diminuído em consequência de uma massa que se encontra localizada perto do estômago.
Problemas renais – as doenças renais como a insuficiência pode estar na origem de um quadro clinico de anúria.
Todas as situações clinicas anteriormente descritas são perigosas e merecem a atenção de um médico.


Fonte: Em forma