Rinoplastia ou cirurgia do nariz melhora a aparência e a proporção do nariz, realçando a harmonia facial e melhorando a autoestima. A cirurgia do nariz também pode corrigir dificuldade respiratória causada por anormalidades estruturais no nariz.

O QUE SE PODE OBTER COM A RINOPLASTIA?

A rinoplastia pode mudar:
• O tamanho do nariz, em relação a demais estruturas faciais,
• A largura do dorso nasal,
• O perfil do nariz,
• A ponta do nariz, que pode ser grande, caída ou muito arrebitada,
• Narinas grandes, largas ou arrebitadas,
• Assimetria nasal e desvio.

A CIRURGIA É INDICADA PARA MIM?

A decisão de se submeter à cirurgia é pessoal e é você quem deve decidir se os benefícios atingirão os seus objetivos e se os riscos e potenciais complicações são aceitáveis.

A RINOPLASTIA É UMA BOA OPÇÃO PARA VOCÊ SE


• O seu crescimento facial estiver finalizado e se você tiver 13 anos de idade, ou mais,
• Você é fisicamente saudável,
• Você não fuma,
• Você tem atitude positiva e expectativa realista do resultado cirúrgico.

O QUE SABER ANTES DE SE SUBMETER À CIRURGIA DE RINOPLASTIA

O sucesso e a segurança do procedimento cirúrgico dependem muito de sua sinceridade durante a consulta. Você será questionado sobre sua saúde, desejos e estilo de vida.

PREPARANDO-SE PARA A CIRURGIA

Previamente à cirurgia, pode ser necessário:
• Fazer exames de laboratório ou avaliação médica,
• Tomar certos medicamentos ou ajustar seus medicamentos atuais,
• Parar de fumar com bastante antecedência à cirurgia,
• Evitar tomar aspirina, anti-inflamatórios e medicamentos naturais, pois podem aumentar o sangramento.

INSTRUÇÕES ESPECIAIS

• O que fazer no dia da cirurgia (tempo de jejum, medicamentos, banho),
• Informações sobre o tipo de anestesia a ser realizada durante o procedimento cirúrgico,
• Orientações sobre os cuidados pós-operatórios.
O procedimento deve ser realizado em local seguro e confortável para o médico e o paciente, em centro cirúrgico autorizado pela Vigilância Sanitária, com equipamentos e equipe treinada para qualquer intercorrência.

POSSÍVEIS RISCOS DA CIRURGIA

• Ruptura de pequenos vasos no nariz,
• Assimetria do nariz,
• Cicatrizes desfavoráveis,
• Sangramento (hematoma),
• Infecção,
• Riscos anestésicos,
• Má cicatrização,
• Dormência ou demais alterações de sensibilidade na pele,
• Despigmentação da pele e/ou inchaço prolongado,
• Podem ocorrer alterações na via aérea nasal após a rinoplastia e a septoplastia, podendo interferir na passagem normal de ar pelo nariz,
• Perfuração do septo nasal (um orifício no septo nasal) pode desenvolver, no entanto, não é comum e tratamento cirúrgico adicional pode ser necessário para reparar o septo. Em alguns casos, pode ser impossível corrigir esta complicação,
• Dor, que pode perdurar,
• Complicações cardíacas e pulmonares,
• Fios de suturas podem espontaneamente emergir na pele, tornando-se visíveis ou produzir irritação que exijam sua remoção.
• Possibilidade de novo procedimento cirúrgico.

O QUE ACONTECE DURANTE A CIRURGIA?

Etapa 1 – Anestesia
Medicamentos são administrados para o seu conforto durante o procedimento cirúrgico. As opções incluem sedação intravenosa e anestesia geral. Seu médico irá recomendar a melhor opção para você.
Etapa 2 – Incisão
A cirurgia do nariz é realizada ou por procedimento fechado, em que as incisões são escondidos no interior do nariz, ou por procedimento aberto, onde é feita uma incisão através da columela, faixa estreita de tecido que separa as narinas. Através destas incisões, os tecidos moles que cobrem o nariz são cuidadosamente levantados, permitindo o acesso para remodelar a estrutura do nariz.
Etapa 3 – Remodelação da estrutura do nariz
A cirurgia do nariz pode reduzir ou aumentar as estruturas nasais com o uso de cartilagem enxertada de outras áreas de seu corpo. Mais comumente, partes de cartilagem do septo, a partição no meio do nariz, são usadas para este propósito.
Algumas vezes, parte de cartilagem da orelha e, raras vezes, parte da cartilagem da costela pode ser usada.
Etapa 4 – Correção de desvio de septo
A correção de desvio do septo e a redução das saliências no interior do nariz melhoram a respiração.
Etapa 5 – Fechando as incisões
Uma vez que a estrutura subjacente do nariz é esculpida na forma desejada, a pele e o tecido nasal são acomodados e as incisões fechadas. Incisões adicionais podem ser feitas nos sulcos naturais das narinas para alterar o seu tamanho.
Etapa 6 – Resultados
Uma espécie de gesso e tampão internos darão sustentação ao nariz à medida que a cirurgia começa a cicatrizar por aproximadamente uma semana. Enquanto o inchaço inicial diminui dentro de algumas semanas, pode levar até um ano para o novo contorno nasal ser redefinido completamente. Durante este período, você perceberá mudanças graduais na aparência de seu nariz. O inchaço pode aparecer e desaparecer e ser um pouco pior pela manhã, durante o primeiro ano, após a cirurgia. A rinoplastia para remodelar a via aérea obstruída requer avaliação cuidadosa da estrutura nasal que se refere ao fluxo de ar e respiração. A correção de desvio do septo, uma das causas mais comuns de insuficiência respiratória, é conseguida através do ajuste da estrutura nasal para produzir um melhor alinhamento.

RECUPERAÇÃO PÓS-OPERATÓRIA

Após a finalização do procedimento, uma espécie de gesso, tampão interno e curativo com Micropore serão colocados no nariz para apoiar e proteger as novas estruturas durante a cicatrização inicial.

RESULTADOS

Pode levar vários meses para que o inchaço desapareça completamente e até um ano – e às vezes mais – para o resultado da cirurgia ser percebido em sua totalidade. Embora os resultados da rinoplastia sejam, geralmente, permanentes, a cartilagem pode continuar a mover e remodelar o tecido, alterando o resultado ao longo do tempo.


Fonte: Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBPC


Fonte da imagem: CirurgiaEstetica