A psoríase atinge cerca de 125 milhões de pessoas no mundo atualmente. Trata-se de uma doença inflamatória crônica da pele que se manifesta, na maioria dos casos, por lesões avermelhadas. Sua causa está relacionada a fatores genéticos e sua melhora ou piora tem a influência de fatores como o clima, reação medicamentosa e o estado emocional (estresse). Ainda que não seja uma doença contagiosa e que ela possa ser facilmente controlada, a psoríase é alvo de muito preconceito.

As lesões geradas pela psoríase são muito típicas, com períodos de piora e melhora, localizadas em superfícies de extensão como o joelho e cotovelos, couro cabeludo, palmas da mão e sola dos pés.


Cada quadro de psoríase recebe sua denominação conforme sua localização e aspecto, que podem ser:


• Psoríase Vulgar;
• Psoríase Invertida;
• Psoríase Gutata;
• Psoríase Eritrodérmica;
• Psoríase Ungueal;
• Psoríase Artropática;
• Psoríase Pustulosa;
• Psoríase Palmo-Plantar.


A enfermagem tem grande importância para que a população portadora da psoríase e seus familiares possam compreender melhor a doença, esclarecendo dúvidas sobre sua evolução, seus fatores desencadeantes, os tratamentos disponíveis e também sobre o envolvimento emocional que existe. Assim sendo, o enfermeiro especializado em dermatologia, além de poder oferecer um cuidado especializado, orienta o paciente sobre a etiologia da psoríase, já que é a falta de informação que provoca a descriminação das pessoas portadoras desse mal.

Ainda cabe à equipe de enfermagem, em seus cuidados para com os pacientes, aliviar a dor e o desconforto provocado pelas lesões, além de ajudar a prevenir o aparecimento de outras, e também prevenir e combater infecções e manter o equilíbrio térmico, hídrico e eletrolítico do paciente.

O sucesso do tratamento está diretamente ligado à confiança estabelecida entre o paciente e o profissional já que, por ser uma doença crônica, a psoríase causa desgaste emocional, que é natural neste tipo de processo, e é de extrema importância que o enfermeiro tenha habilidade para lidar com este momento.


Fonte de conteúdo: Enfermagem e estética

Fonte de imagem: Google